Ovelha Negra: a parte saudável que se diferencia.

A ovelha negra é um termo usado para classificar aquelas pessoas que são diferentes da maioria, seja no núcleo familiar, social ou profissional.

A pessoa geralmente é vista como errada, estranha, problemática, complicada, rebelde, entre outros rótulos negativos.

Também pode assumir o papel de bode expiatório sobre o qual se projetam todas as críticas e culpas.

Ninguém nasce ovelha negra. Esse papel é elegido pelo grupo que identifica quem é a peça diferente, representando desequilíbrio para o sistema.

Em psicologia chamamos de paciente identificado, sendo esse o membro que tenta se diferenciar denunciando a disfunção familiar. O mesmo vale para os outros grupos.

Ser diferente pode ser uma ameaça para os outros, mas não para quem é seguro de si mesmo.

É um processo difícil que requer coragem , enfrentamento e capacidade de contenção para dar conta das consequências de ser quem realmente somos ou desejamos fazer.

Pessoas inseguras apontadas como ovelha negra, dificilmente conseguem reagir positivamente. Ao contrário, aceitam e sofrem demais com as críticas, julgamentos, desaprovação e até mesmo com a rejeição que sentem. Assim, obrigam-se a serem como o esperado, rendendo-se para o domínio e controle grupal.

Para uma vida saudável e individuada é preciso aprender a se diferenciar . Isso implica em lutar para ser quem desejamos nos tornar, defendendo nossa essência, valores, idéias e sentimentos. Em alguns momentos esse movimento pode custar o papel da ovelha negra ou do bode expiatório.

É assim que a vida acontece e os padrões se rompem.
É assim que evoluímos.

Não é sobre se isolar e sim saber o ponto de equilíbrio entre fazer parte dos sistemas grupais, mas ao mesmo tempo viver de acordo com as batidas do nosso coração, independente do que os outros pensam , fazem ou esperam da gente.

Segue lá no insta:
@psicologavanessaebeling | @psicoterapiasintegradas

🦋

Vanessa Ebeling

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Olá!Como posso te ajudar?